Biovel desenvolve artigo em parceria com UNIOESTE e FAG.

Artigo publicado na Revista Eletrônica Acta Biomedica Brasiliensia / Volume 5/ nº 1/ Junho de 2014

O presente estudo teve como objetivos realizar análise comparativa entre kits laboratoriais D-Dímero para trombose Venosa Profunda (TVP) pelos métodos de Imunoturbidimetria (metodologia 1) e Quimiluminescência (metodologia 2), ambos da marca Siemens, e comparar o resultado das análises realizadas, com o diagnóstico clínico confirmatório do paciente, analisando seus prontuários. A amostra foi constituída por uma população de 95 voluntários que realizaram o teste laboratorial D-Dímero, em um laboratório de análises clínicas da cidade de Cascavel-PR.

Os resultados foram comparados através dos parâmetros para validação sorológica, através dos cálculos de especificidade, o qual foi de 33% em ambos os métodos, sensibilidade, o qual foi de 89% e 90%, e a eficiência de 68% e 69%, respectivamente para as metodologias 1 e 2. O valor preditivo positivo (VPP) foi de 69% em ambos os testes, o valor preditivo negativo (VPN) foi de 33%, a prevalência foi de 62%, e a prevalência sorológica foi de 81%. Conclui-se assim que, os testes analisados são pouco específicos para TVP, não podendo ser utilizados como método diagnóstico, mas sim para excluir prováveis suspeitas de tromboembolismo venoso.

 

Confira o Artigo completo >>